Todos a Paralisação Nacional do dia 15 de março

 In Notícias, Uncategorized

No próximo dia 15 de março, acontecerá uma paralisação convocada por centrais sindicais contra o desmantelamento da Previdência Social, a reforma trabalhista e contra as privatizações das empresas públicas. Nós do Sintect-PI somos contra todos esses ataques e estamos mobilizados para lutar contra estes golpes. Inclusive, participamos do Fórum Piauiense da Previdência Pública que debate soluções e ações para que a Reforma não vigore no País.

Dessa forma, entendemos que a única saída para os trabalhadores garantir os seus empregos e suas condições de vida é através da organização de uma Greve Geral por tempo indeterminado com ocupação das empresas. Infelizmente, diante da desorganização provocada pelas traições da burocracia sindical e o medo do desemprego, agora, chamamos todos os trabalhadores para uma grande paralisação para levantarmos as principais reivindicações dos trabalhadores dos Correios em todo País no sentido de preparar a Greve Geral.

Devemos encarar a paralisação como uma oportunidade para mostrarmos o nosso descontentamento para a empresa e o governo, pois estamos vendo o sucateamento proposital dos Correios com vistas a entregá-lo para iniciativa privada. A precarização do trabalho é tamanha que em todos os locais de trabalho estamos perdendo os nossos direitos, pouco a pouco, a exemplo do que querem fazer com nosso plano de saúde. Já na Previdência a situação é tão grave que se não lutarmos hoje, perderemos o direito de nos aposentarmos. A farsa sobre a suposta falência da Previdência é parecida com a farsa do déficit nos Correios. Porém o objetivo é o mesmo: privatizar tanto a previdência quanto os Correios.

Nas agencias convencionais existe muita precarização. O presidente dos Correios anunciou que serão fechadas mais de 200 agências no País, imediatamente. Em Teresina já foram fechadas 2 agências (Piçarreira e Promorar) e 1 em Timon (Parque União), e já está previsto que serão fechadas mais 5 agências nos próximos meses. Isso tudo é uma declaração aberta de demissão de muitos atendentes.

Dentro dos Centros de Triagem a exploração dos OTT’s é total. As péssimas condições de trabalho e a opressão exercida pelas chefias nestes setores são absurdas. Já nos CDD’s nem se fala! A implantação da DDA (Distribuição Domiciliar Alternada) é um ataque direto aos postos de trabalho dentro dos setores de distribuição. Péssimas condições de trabalho existem dentro de todos os setores. Os administrativos estão muito prejudicados dentro da ECT. Inclusive do ponto financeiro. Já os administradores postais e técnicos nunca foram tão desvalorizados por essa direção.

A nova direção dos Correios já lançou dúvidas, inclusive, sobre a capacidade técnica destes trabalhadores. Além da clássica declaração absurda de que a crise dentro dos Correios seria culpa dos próprios ecetistas.

Todos os trabalhadores têm motivos de sobra para fazerem a paralisação no próximo dia 15 de março. Absolutamente todos os trabalhadores dos Correios estão sendo superexplorados por uma direção que sequer é oriunda da categoria. Venham participar da Assembleia para decidir sobre a adesão a paralisação Nacional.

ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

Data: 14 de Março Horário: 18:00h
Local: Pátio do Ed. SEDE dos Correios, localizado na Rua 7 de Setembro, Centro, Teresina/PI.
PAUTAS:
•Informes;
• Adesão ao movimento paredista contra a Reforma da Previdência;
• Adesão a Paralisação Nacional no dia 15 de março.

Recent Posts

Fale Conosco

Contact Us