DENÚNCIA DE SOBRECARGA DE TRABALHO NO CDD PICOS

 In Uncategorized

O aprendiz de ditador a frente da REAT – 2 está agindo de forma irresponsável no CDD Picos. Mesmo diante da pandemia de COVID-19, sabendo que esta unidade já está desfalcada por trabalhadores afastados, por sua conta realiza o remanejamento de trabalhadores, sobrecarregando todos os carteiros da citada unidade.

Os trabalhadores dos Correios lotados no CDD Picos denunciam o processo de precarização e sobrecarga de trabalho. Segundo foi relatado para o SINTECT-PI, houve um aumento na demanda com a redução de trabalhadores.

A sobrecarga está acontecendo por diversos fatores, obrigando os carteiros a realizarem várias dobras nos distritos postais, sendo uma jornada extenuante para ciclistas e os carteiros motorizados (motos e carros).

Dos 04 veículos que existem no CDD Picos, apenas 02 permanecem em atividade naquela unidade, pois os outros foram remanejados para a operação do FNDE (ação de distribuição dos livros didáticos).

A situação é grave, pois ocorre o desvio de função. Carteiro motorizado (com R.I para moto) está sendo obrigado a realizar a entrega das encomendas onde seriam distrito para o carro (aumentando o número de viagens e comprometendo a segurança).

Ocorre também a inversão da situação, onde carteiros com R.I (motorizados veículos) realizam a distribuição em motos, quando estas estão paradas em decorrência do trabalho interno dos respectivos titulares. A sobrecarga é evidente, divido a retirada dos veículos desta unidade.

O SINTECT-PI vai tomar as devidas providências para acabar com o abuso e super exploração dos trabalhadores do CDD Picos, tomando as medidas cabíveis para essa situação.

Recent Posts

Fale Conosco

Contact Us