NÃO A PL 591/21 – NÃO AO GOLPE DA PRIVATIZAÇÃO

 In Uncategorized

nullA base de apoio do governo Bolsonaro está desesperada com a repercussão da CPI da COVID e a recente derrota de Paulo Guedes na disputa pelo aumento do Orçamento (ultrapassando o teto de gastos), decidiu partir para o ataque contra a Empresa Brasileira de Correios (ECT), tentando avançar a pauta privatista sem que ocorra o debate nas comissões.

O projeto de privatização já havia sido apresentado por Bolsonaro em fevereiro, propondo a “exploração dos serviços postais pela iniciativa privada”. O Deputado Hugo Motta (Republicanos/PB) encaminhou um “requerimento com pedido de urgência” para a votação da privatização dos Correios. O pedido foi acatado pelo presidente da Câmara Arthur Lira (PP) que colocou em pauta a PL 591/21.

“A intenção deste requerimento é tentar efetuar um golpe contra o povo brasileiro, pois com o pedido de urgência o governo evita o debate sobre os impactos negativos na vida de milhares de pessoas que dependem dos Correios e de seus serviços sociais que vão muito além dos serviços postais” destacou Edilson Rodrigues, presidente do SINTECT-PI.

A Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios (FENTECT) está mobilizando os trabalhadores, deputados e a população em geral para a realização de um tuitaço e mobilizando todo o povo brasileiro que sabe a importância dos Correios como empresa pública. Publique nas suas redes sociais as hastags:

#Não_a_Privatização

#Oscorreiosnãoestáavenda

#Correiosédopovo

#nãoavendadoscorreios

Recent Posts

Fale Conosco

Contact Us